.Música

.A visitar

.Arquivos

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

.Novembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.mais sobre mim

Terça-feira, 29 de Janeiro de 2008

Maria Carolina

Olá Maria!

Sabes, estivemos em todas as fases da tua vida. Vimos a luta das tuas mãmas e vimos-te ainda grao de arroz e já ai os nossos sorrissos eram grandes e luminosos. Andamos a contar os dias e todos os dias esperavamos que o contador chegasse ao zero. Ontem foi o dia! E lá andavamos nos de telemovel bem junto ao peito à espera de ti e depois saber que ja cá estavas e que estavas bem fez-nos adormecer e acordar felizes e de bem com a vida e com o mundo.

És uma menina linda e estas rodeada de muito amor e so podemos desejar-te tudo tudo de bom.

Obrigada por mostrares ao mundo que as coisas boas sao possíveis se acreditarmos nelas.

publicado por alguém às 15:10
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De Anónimo a 29 de Janeiro de 2008 às 20:57
Eu acho que a Maria nem imagina o quanto vai ser estrafegada por vós. Ou então imagina e por isso é que não queria sair
De Anónimo a 29 de Janeiro de 2008 às 20:58
O anonimo é a mamã Nina, tá?!

Comentar post