.Música

.A visitar

.Arquivos

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

.Novembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.mais sobre mim

Quarta-feira, 7 de Setembro de 2005

Estou

com uma perguiça...

Eu estava bem era em casa no sofá com a minha cadela a ver filmes e a comer pipocas ou outra coisa qualquer que eu para comer, infelizmente, tenho sempre vontade.

Ainda hoje logo de manhã quando fomos dar a primeira voltinha no dia, ainda estava a cair aquela chuva miudunha e pensei que daqui por quinze dias, mais coisa menos coisa, vai chegar uma tonelada de lenha lá a casa e ao ter este pensamento não pude deixar de sorrir pois, apesar do trabalho que dá arrumar toda essa lenha, o prazer que se tem depois, quando após um dia frio passado no exterior a fazer um monte de tarefas que invento sempre (de referir que isto acontece geralmente, ao fim-de-semana) poder sentar pertinho da lareira, colocar um cd na aparelhagem e estar apenas ali, a apreciar a vida, a ouvir a chuva e bater nas portadas da janela e o espanta espíritos de cana lá fora a dançar com o vento.

Nunca mais é Inverno...
publicado por alguém às 12:22
link do post | comentar | favorito
|