.Música

.A visitar

.Arquivos

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

.Novembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.mais sobre mim

Segunda-feira, 31 de Outubro de 2005

Alguém me pode

dizer porque é que na maioria dos casos isto acontece?

Uma menina que tem carro, conhece um menino que não tem. Ela vai buscá-lo a casa, começam a conhecer-se até que começam a namorar. A partir desse dia, ela continua a ir buscá-lo a casa mas assim, que chega sai do lugar de condutor para que ele possa levar o carro até ao emprego dele e depois ela pega novamente no carro e leva o carrito até ao emprego dela.

Tempos passados essa menina e esse menino já namoram à algum tempo e decidem convidar outro menino e outra menina, que por acaso até namoram, para ir até num sei onde almoçar. Nesse caso as meninas vão para o banco de trás quase sem lugar para colocarem as perninhas porque os respectivos têm de ir à frente com as perninhas completamente esticadas.

Alguém me explica porque é que isto acontece?
Eu não tenho carro, a minha namorada tem, mas geralmente quando vão outros casais no carro eu continuo a ir à frente com ela, salvo raras excepções em que vou atrás mas isso é porque eu tenho dois cães e nem todas as pessoas conseguem viajar no banco de trás com dois rafeiros a quererem ir ao colo delas.

Não entendo, juro que não entendo porque é que isto acontece por ai...
publicado por alguém às 14:11
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|
Sábado, 29 de Outubro de 2005

Acabei de fazer

uma comprinha para a minha casinha!

Eu adoro o Natal, enfeitar a casa, acender a lareira, colocar fitinhas, sinos, laços, luzinhas a piscar, tudo!

Por isso, foi-me tão difícil resistir a um pai Natal que segura uma bandeja cheia de coisas boas. Ele é uma fatia de bolo, um queque cheio de chantily e um jarro cheio de chocolate quente (imagino eu, rsrs) essas coisas boas, são em loiça e são o cabo de faquinhas para o doce ou para a manteiga. É lindo!

E pronto, foi a compensação que eu tive por ter que vir trabalhar num sábado cinzento!

Bom fim-de-semana e para quem conseguiu a ponte, bom feriado!
publicado por alguém às 12:31
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Sexta-feira, 28 de Outubro de 2005

Hoje em dia

já de pouco vale pedir ajuda para instituições.

No entanto, nunca é demais pedir mais uma vez.

Passem pela: Sobreviver.

Bom fim-de-semana!
publicado por alguém às 17:13
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Quinta-feira, 27 de Outubro de 2005

Não sei se

é por causa do signo se por causa das estrelas ou se por algum motivo esquisito. A verdade é que as emoções em mim estão em constante mudança.

Sou capaz de rir e chorar muito facilmente, até sou capaz de chorar de tanto rir e vice-versa.

Por causa disso, qualquer coisa menos agradável que me possam dizer pode despertar em mim rios de lágrimas. Ou seja, tipicamente a gaija que não lhe podem dizer nada rsrsr mas, também não sou capaz de ficar zzangada ou chateada por muito tempo e dez minutos depois já estou a rir a contar anedotas e completamente esquecida do que aconteceu. Não sou muito de guardar rancor...

Talvez por isso, me seja difícil lidar com as lágrimas dos outros. Fico sempre aflita quando vejo alguém a chorar, é que nunca sei se devo contar uma piada, chorar com ela ou simplesmente abracá-la.

Sei que há momentos para tudo e que temos de conseguir avaliar aquilo que a pessoa que está à nossa frente precisa mais mas, quando começam a chorar fico tão aflita que meto as mãos pelos pés e só sei dizer. Pronto deixe lá, vai ver que não é assim tão mau...

Isto porque uma colega de trabalho teve um pequeno arrufo com o chefe e saiu do escritório a chorar.

Vidas!
publicado por alguém às 09:35
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Quarta-feira, 26 de Outubro de 2005

Ontem não deixei

post porque, não trabalhei de tarde!

Baldei-me e peguei na minha mais que tudo e respectivo rafeiro e fomos dar uma volta por ai.

Para dizer a verdade fomos tentar encontrar uma coisa com a qual temos vindo a sonhar e que queremos muito comprar. Conseguimos e estamos muitos felizes e com imensos planos para essa tal coisa nova.

Estou a falar assim, em código porque as nossas amigas não podem saber o que é e alguma delas pode vir aqui e descobrir.

Na próxima segunda-feira já posso contar tudo :D
publicado por alguém às 13:59
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|